Wednesday, November 21, 2007

PARA EDSON COELHO DE OLIVEIRA

Você é brilhante, sei.
Mas, veja lá o que você escreveu hoje na capa do Magazine, sobre o Vicente Sales:
"autor de livros essenciais sobre a história e a cultura paraenses, em que se destaca o estudo das contribuições negras, o antropólogo Vicente Sales considera o mundo a partir de uma visão étnica, mas o vê primeiro como fenônemo social".
Isso não quer dizer porra nenhuma numa página de lazer e cultura dum jornal.
Que tal deixar o Vicente falar e só dizer: Vicente é um mago. Conta até porque a pica do pai e a buceta da mãe fizeram do Dalcídio Jurandir um gênio.

9 Comments:

Anonymous Anonymous said...

O texto do Edson Coelho, um dos melhores repórteres e redatores que temos, está corretíssimo. Erradíssimo está o teu comentário, AK, além de muito grosseiro e desrespeitoso.
Uma pena.

2:38 PM  
Anonymous Anonymous said...

Está certíssimo o Afonso. O Édson é bom, sim, mas de vez em quando abusa da sorte, entra em surto, vira alga, borboleta, jaguatirica, bambu, e comete essas coisas. A Daniela sabe.

7:45 PM  
Anonymous Anonymous said...

O problema do Edson Coelho de Oliveira é que ele quer fazer tudo ao mesmo tempo, mas não tem Targifor que aguente. Aí, na hora de fazer a coisa certa, ele erra, mesmo acertando quando tem de fazer a coisa errada, se é que vocês me entendem.

7:54 PM  
Anonymous Anonymous said...

Poxa,
O Édson é um fofo, um poeta fofo, um pofo.
Eu amo o Pofo!

a) lingerie

10:39 PM  
Anonymous Anonymous said...

Fofo até demais da conta.
Aquele texto que ele escreveu para a família dos Novelino, página inteira, pelo amor de Deus, se a gente não conhecesse o Edson ia pensar que ele tinha ganho um posto de gasolina em troca.

4:43 AM  
Anonymous Anonymous said...

O GRANDE PROBLEMA É QUE O AK. ACHA QUE ELE É GÊNIO. DAÍ DA-SE A MERDA, QUANDO ELE COMEÇA A CRITICAR O XINOVAR OS OUTROS.TE ACALMA DELIGÓRIO.TOME UM CHÁ DAS COISAS QUE VC TÃO BEM CONHECE.!

4:45 AM  
Anonymous Anonymous said...

agradeço os prós e contras a respeito de minha rápida entrevista com o vicente sales - ele está em tratamento -, e jamais faria algum comentário aqui não fosse a referência aos novelino. a matéria "de página inteira" foi no dia do enterro de dois filhos, e toda centrada na mãe, não na família: uma mãe, que naquele momento sentia toda a dor do mundo. não era sobre a família e todas as suspeições que conhecemos, mas sobre uma mãe.
edson coelho

1:16 PM  
Anonymous Anonymous said...

ak diz:

EDSON, não entendí o "jamais faria um comentário aqui".
O blog é meu, já trabalhamos juntos e nos respeitamos.
Qual é o problema de fazeres comentário no meu blog?
Achas que não mereço mais teu respeito ?
Sobre o caso Novelino, não digitei um dígito sobre o que escrevestes.
Até porque não lí e, se tivesse lido,acreditaria na tua
honestidade, porque sei ela existe.
Falei sobre o Vicente Sales - que me dói, muito, saber estar doente - e comentei que a pica branca do pai e a buceta negra da mãe, levaram o Vicente, na etnia filosófica do teu texto, a dizer que o Dalcídio Jurandir é um gênio.
Grande abraço, irmão.
Afonso Klautau

9:32 AM  
Anonymous Anonymous said...

Afonso, camarada. Quando disse que não faria um comentário "aqui", quis dizer que eram legítimas as opiniões, e que não cabia a mim fazer defesa ou elogio em causa própria, no meio da arena. Ora, seu blog é um dos mais prestigiados da cidade, e é portanto espaço privilegiado para quem tem opinião e a compartilha. Perdoe, realmente, se minha precipitação no comentário anterior criou uma impressão que não é a que eu quis passar, até por que não há menor razão. Camarada, tamo na batalha, obrigado pelo que você escreveu sobre mim e pelo que já me falou pessoalmente. De coração, mesmo, e o que quero é te encontrar pra botar o papo molhado em dia ou fora dele. Sim, e gosto pra caramba do teu texto.
Edson Coelho

2:56 PM  

Post a Comment

Links to this post:

Create a Link

<< Home