Wednesday, April 18, 2007

PERGUNTA QUE NÃO QUER CALAR

Adoro quando usam essa expressão que não diz absolutamente nada. Afinal, que pergunta é essa que se recusa a ficar muda?
Então, lá vai a minha, absolutamente desnecessária: onde está a oposição hoje no Pará? Nos partidos, no parlamento, na imprensa, na famosa "sociedade civil organizada", nos intelectuais, nas universidades, nos jovens, na "crasse" artística, nas ruas ? Adonde, então ?
Essa pergunta é muda.

4 Comments:

Anonymous Anonymous said...

Realmente a sua pergunta é instigante.E triste é constatar que não aparece ninguém para fazer oposição.Todos, políticos, artistas, intelectuais, cabeças pensantes, todos mudos (ou cegos?).Até parece que , de repente, passamos a viver num paraíso.Não mudou nada.Até tucano já se empoleirou no novo governo.Tudo lixo do mesmo saco.Triste Pará.

10:37 AM  
Blogger Diego Genú Klautau said...

Pois é. Quem diria que no fim tudo ia virar tacacá?

11:03 AM  
Anonymous Bia said...

Seu post provocou um desabafo que vai aqui sem pensar muito. É ruim esse vazio, Afonso. Pra mim fica uma sensação de que nunca houve um projeto.

O "projeto" era um alinhavado de interesses - e de visões nem sempre complementares sobre o Pará e seu povo - de um agrupamento e não uma equipe, que, vez em quando, coincidiam com os interesses coletivos.

E a perda do bunker do agrupamento - o Governo do Estado -desorientou o grupo. E enquanto não se refazem do tombo ou do susto, fica assim: cada um por si, Deus por ele, nós por aqui, e a tal "sociedade" tentando se safar.

O pior é que o atual governo parece nem sequer pretender disfarçar que não é equipe. Parece orgulhar-se de ser um ajuntamento.

Abraço

3:24 AM  
Anonymous Anonymous said...

ak diz.
Anonymous, Diego e Bia.
O Pará não é triste, tem tacacá e é sempre bom lembrar que um copo vazio está cheio de ar.
Afonso Klautau

12:37 PM  

Post a Comment

Links to this post:

Create a Link

<< Home